Será que está começando a reação?

Seria pretensão afirmar que a Gestão Através de Ideias Atratoras, nosso modelo de gestão, possa sinalizar alguma mudança no perfil do empresariado gaúcho. Mas podemos falar sobre uma incipiente constatação.

Por muitos meses a receptividade ao Modelo GAIA foi extremamente tímida. Algumas indagações a respeito, algumas intenções e muito poucos negócios.

Este tipo de atitude nos pareceu extremamente coerente com o momento de forte retração da economia nacional com reflexos principalmente no Rio Grande do Sul. Os empresários gaúchos se mantiveram por longo tempo numa retranca, plenamente justificada pelo breu que vislumbravam no fim do túnel. Todos os movimentos se voltaram para a salvação da iminente catástrofe que assolava grande parte das empresas. Foi o reinado do salve-se quem puder. Infelizmente, algumas pereceram no caminho.

Ultimamente, entretanto, conseguimos constatar uma, ainda tímida, mudança deste perfil. Aumentam as indagações, multiplicam-se as intenções e começam a se consolidar alguns negócios. Não muitos, mas alguns. E isto é, no nosso entender, um sinalizador de mudança.

Aqueles que estão abrindo suas empresas à inovação do seu modelo de gestão, já estão sentindo que o Modelo GAIA pode alavancar fortemente sua produtividade. É uma mudança interna, mas extremamente importante.

As empresas e as pessoas começam a contemplar um novo horizonte, não completamente límpido ainda, mas com uma quantidade bem menor de nuvens. E estas nuvens não parecem ser de tempestade. Alguns raios de sol já permeiam a escura barreira nebulosa que aos poucos começa a se dissipar.

Estamos otimistas, mas continuamos mantendo os pés no chão. A borrasca ainda não passou e, como diz Paulinho da Viola, “faça como o velho marinheiro, que durante o nevoeiro, leva o barco devagar”. A prudência é importante, mas muito mais importante ainda, é levar o barco em frente.

Parabéns aos empresários que começam a reagir, mesmo àqueles que ainda não nos escolheram como parceiros. O que importa é que todos melhorem, porque com isto, melhoraremos juntos.

Será que está começando a reação?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.